terça-feira, 20 de fevereiro de 2018

Resenha A Verdade Sobre o Caso Harry Quebert - Joel Dicker

   A obra tem como um dos personagens principais, o escritor Marcus Goldman. Esse escritor, após fazer muito sucesso com uma obra, entrou em um estado de bloqueio criativo, o que o obriga a visitar seu mentor Harry Quebert. Marcus espera que Harry o ajude a recuperar a inspiração para que possa cumprir o prazo de entrega do novo manuscrito. Contudo, após a visita, um corpo é descoberto na propriedade e Quebert acusado de assassinar a garota, Nola. Várias pessoas afirmam ter visto os dois juntos e com isso, todas as suspeitas recaem sobre o escritor renomado (Harry Quebert). 


  Portanto, Marcus possui 3 objetivos: descobrir o que houve no verão em que Quebert e Nola se encontravam, provar a inocência do amigo e recuperar sua criatividade para acabar o manuscrito. Difícil, certo? Será que Marcus irá conseguir? Só por esses objetivos você já consegue perceber que haverá bastante mistério e suspense durante a trajetória dos personagens.
  O autor soube criar uma história instigante do inicio ao fim, em que cada capítulo traz uma reviravolta à história. Basicamente, o segredo está em captar os pequenos detalhes de cada cena e acreditem quando eu digo ''isso não é fácil''. O final é surpreendente e eu realmente não imaginava aquele desfecho.
  Detalhes à parte: gostei da forma como Joel Dicker deu pequenas dicas sobre escrita em cada capítulo. Isso ajudou a dar veracidade à profissão do personagem, que está sofrendo por um bloqueio criativo. Ou seja, como escritora, posso afirmar que esse livro também deve ser lido com uma visão mais analítica.

Nota (0-5): 5

Acesse um conteúdo diferente no canal - vídeo sobre Manias de escritores  => https://www.youtube.com/watch?v=Fiq4pVA7vD4&t=110s

Postagem em destaque

Apresentação